A partir do dia 20 de julho, entrarão em vigor os novos limites de velocidade em importantes vias da cidade de São Paulo. Ou seja, a Marginal Tietê – que interliga as regiões Oeste, Norte e Leste da cidade. Da mesma forma que a Marginal Pinheiros – que liga a região de Interlagos ao Complexo Viário Heróis de 1932. No acesso à Rodovia Castelo Branco, e às rodovias Imigrantes e Anchieta. A medida foi tomada pela SMT (Secretaria Municipal de Transportes) com o intuito de reduzir a quantidade de acidentes. Portanto, SP reduz limite de velocidade nas marginais para diminuir acidentes.

O que diz o diretor técnico do ONSV (Observatório Nacional de Segurança Viária), Paulo Guimarães:

A velocidade é um dos principais fatores de risco para a ocorrência de acidentes. Portanto, sua redução provoca um aumento na segurança das vias. É de extrema importância haver boa sinalização e que a diferença de limites entre trechos esteja bem clara. Ou seja, para evitar reduções bruscas e, com isso, provocar colisões. No entanto, a diminuição da velocidade máxima permitida não reduz a capacidade da via. Isso ocorre porque, quanto maior a velocidade, maior a distância entre um veículo e outro. Quando reduz a velocidade, reduz a distância e a capacidade continua a mesma.

Para o presidente da Abcam (Associação Brasileira dos Caminhoneiros), José da Fonseca Lopes, a medida é importante para a redução de acidentes nas pistas. Que, portanto, são afetadas com congestionamentos extensos quando há ocorrências. No entanto, avalia que deve afetar o cumprimento de prazos nas entregas de mercadorias. Ou seja, especialmente em razão das restrições ao tráfego de veículos pesados nas duas marginais.

Ainda na avaliação de Fonseca, a medida seria mais efetiva se houvesse uma mudança na permissão à circulação de caminhões: “Deveriam ser destinadas as duas pistas da direita para veículos pesados e as demais para os leves. Com controle de velocidade, isso certamente colaboraria para diminuir as ocorrências de trânsito, sem afetar o abastecimento de mercadorias na cidade”.

Portanto, SP reduz limite de velocidade nas marginais para diminuir acidentes, para prevenção e segurança dos usuários das vias.

Saiba os novos limites:

Nas pistas expressas na Marginal Tietê, a velocidade máxima passara de 90 km/h para 70 km/h para veículos leves, e de 70 km/h para 60 km/h para veículos pesados. Nas pistas centrais, a velocidade máxima reduzirá de 70 km/h para 60 km/h para todos os tipos de veículos. E nas pistas locais, o limite reduzirá de 70 km/h para 50 km/h.

Na Marginal Pinheiros, o limite nas pistas expressas também cairá de 90 km/h para 70 km/h, no caso dos veículos leves, e de 70 km/h para 60 km/h para veículos pesados. Nas locais, onde a máxima é, atualmente, de 70 km/h, passará a ser de 50 km/h. A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) irá acompanhar e avaliar os efeitos da medida, a fim de verificar a necessidade de adequações.