Manutenção do veículo Na Semana Nacional do Trânsito, de 18 a 25 de setembro, é importante lembrar que a prevenção é a melhor forma de evitar acidentes e ter um trânsito mais seguro. Aproveitando a Semana Nacional do Trânsito, de 18 a 25 de setembro, o Grupo de Manutenção Automotiva (GMA), alerta para a falta de manutenção de veículos e as consequências no trânsito. O GMA reúne as entidades do setor de reposição automotiva (Sindipeças, Andap, Sincopeças-SP e Sindirepa-SP). “Mais do que provocar longos congestionamentos, uma vez que um veículo parado em via de grande circulação pode ocasionar mais de 3 quilômetros de congestionamento, carros, motos, caminhões e ônibus sem manutenção em dia podem provocar acidentes”. Afirma o coordenador do GMA e conselheiro do Sindipeças para o mercado de reposição.

Segundo Mufarej, como não há fiscalização de itens de segurança para verificação do estado de feios, pneus, amortecedores, entre outros itens, não é possível saber se os mais de 41 milhões de veículos que rodam pelo País, segundo levantamento da frota circulante do Sindipeças, estão em boas condições. “A inspeção técnica veicular é uma medida importante para um trânsito mais seguro. Implantada em mais de 50 países, conseguiu reduzir os índices de acidentes. Por aqui, o projeto de lei sobre o assunto está parado no Congresso Nacional há mais de uma década. Enquanto isso, nos deparamos todos os dias com notícias de acidentes que provocam mortes. O Brasil, infelizmente, possui um alto índice de acidentes de trânsito. Boa parte poderia ser evitada se os veículos estivessem com a manutenção em dia”. Explica Mufarej.

Pesquisas realizadas com motoristas mostram que quanto maior o tempo de uso, menos manutenção é feita

“Isso é preocupante porque as peças e componentes do veículo sofrem desgaste natural com o uso e precisam ser avaliadas e trocadas, se necessário”. Revela. Diante da falta de legislação específica para garantir mais rigor na verificação dos itens dos veículos, cabe ao motorista ter a consciência da importância de cuidar do carro de forma preventiva, seguindo as recomendações do manual do fabricante. “Veículos com peças relacionadas ao sistema de freio, suspensão e pneus que apresentam desgastes estão mais sujeitos a acidentes, pois se for necessário acioná-los, não terão a eficiência necessária”. Comenta o coordenador.

O programa Carro 100% / Caminhão 100% / Moto 100% desde 2008 preconiza a importância da manutenção preventiva para melhorar a segurança no trânsito. Além de reduzir emissão de poluentes e também gerar mais economia para o bolso do motorista. Ou seja, uma vez que a revisão preventiva é mais barata do que a corretiva. Que é portanto, quando o veículo já apresenta o problema. Para facilitar a fazer revisão, o programa lançou recentemente aplicativo Carro 100% Check Up. Consequentemente, ele possibilita a checagem de vários itens em poucos minutos. O motorista também recebe avisos quando chega o momento de fazer a revisão de determinado item. Gratuito e fácil de operar, o sistema foi desenvolvido com base na norma ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Ou seja, que trata de inspeção veicular. O aplicativo está disponível para smartphones IOS e Android e no site www.carro100.com.br.

Além de cuidar do veículo, é importante que o motorista respeite a sinalização e seja prudente. “Se todos colaborarem será possível ter um trânsito mais seguro”. Finaliza Mufarej.